EUA aderem à onda de banir whatsapp e similares

Na semana passada o Primeiro Ministro britânico David Cameron mostrou ao mundo sua proposta, se reeleito, de banir  serviços de mensagens instantâneas como whatsapp por falta de segurança. Após encontrar Cameron, o presidente norte-americano Barack Obama reforçou a idéia de que tais serviços podem se tornar ameaças à segurança nacional dos EUA. Obama disse: “Se…